sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Os bichinhos da minha vida

Eu tenho muita consideração pelos meus bichinhos de estimação. Você não? Aprendi pela própria Bíblia que amar os meus animaizinhos não só é certo como também mostra que agrado a Deus com minha atitude.

"O justo tem consideração pela vida dos seus animais, mas as afeições dos ímpios são cruéis." Provérbios 12:10

Quero aproveitar o momento para falar um pouquinho sobre os bichinhos da minha vida. Primeiro teve a Pint, minha cachorrinha linda. Viveu com nossa família por aproximadamente 14 anos e se foi em 2010 (até fiz um poema para ela, que você pode conferir no MEUS POEMAS). A Pint era meiguice pura. Ela amava pular no meu colo e cochilar por horas, enquanto eu dava aula de reforço escolar para crianças e adolescentes (os meninos já estavam até acostumados em fazer aula com a Pint ali por perto e quando ela não aparecia achavam até estranho).


Ano passado, nasceram 2 gatinhos na varanda da nossa casa (de uma gata arisca "de rua" que minha mãe estava tentando amansar) : a Pintada e o Fumaça. A Pintada era uma graça, vivia com problema de estômago e soltava gases (hahaha, é isso mesmo!), mas estava sempre por perto e amava deitar perto de mim quando eu ia para o cômodo de TV. Pena que 2 dias antes de meu aniversário, em agosto deste ano, morreu envenenada por alguém da vizinhança e apareceu dura no quintal aqui de casa. O irmãozinho dela, Fumaça, ficou tão triste e magro que até hoje, 3 meses após o incidente, tem que tomar fortificante porque fez greve de fome.



Junto com a Pintada, mais 2 filhotinhos "da área" morreram (e o pior, também apareceram mortos no quintal). Eles sempre brincavam com a Pintada e o Fumaça e um desses filhotinhos ficou órfão (ele já não tinha conseguido um dono, agora perdeu os 2 irmãos e a mãe), passando a procurar a companhia do Fumaça e a aceitação da nossa parte, pelo que hoje também faz parte do grupo. Como é sempre arisco e corre ao nos aproximarmos dele, seu nome é Foguetinho.


Lembre-se que Deus quer que amemos a Ele e às pessoas em primeiro plano. Todavia, amar os animais não é errado e alegra o coração de Deus. Foi Ele quem os criou e colocou na Terra com propósitos mais eternos que a maioria de nós chega a entender. Parte desses propósitos tenho visto se cumprir em minha vida e família nas muitas vezes em que o Pai usou esses bichinhos para nos ensinar e tratar com nosso caráter. Espero que você também tenha consideração pelas pessoas e também pelos animais que fazem parte de sua vida, assim como o tenho.

quinta-feira, 29 de novembro de 2012

Lidando com a ansiedade




"Lançando sobre ele toda a vossa ansiedade, porque Ele tem cuidado de vós." I Pedro 5:7

"Aquietai-vos, e sabei que eu sou Deus." Salmo 46:10a

Ansiedade gera em mim crises de falta de ar. Ansiedade intensa é #&*!#"!!! Odeio ficar ansiosa e odeio não conseguir controlar a ansiedade como gostaria, pois mesmo tomando calmantes, fazendo exercícios físicos, deixando o som ligado com músicas de adoração e cantando junto, ainda que tente dormir e relaxar, meu metabolismo se acelera mais do que gosto e é difícil freiar.

A orientação de Deus para ansiedade é que a lancemos sobre Ele, já que Ele tem cuidado de nós e que nos aquietemos sabendo que Ele é Deus (e isso não é pouca coisa não). É óbvio que não estou ansiosa sem causa, muitas tribulações me afligem neste momento (e sei que em sua vida também).

A questão é: Como lançar sobre Deus nossa ansiedade e aquietar?
Primeiro: reconhecendo que Ele pode nos ajudar, Ele é Deus e tem cuidado de nós.

Sempre relembro a mim mesma que o que não consigo resolver (por mais que tente) o que não entendo. O que tenta me deixar pre-ocupada é sempre algo que Deus pode mudar, Deus entende, não preciso preocupar.
Se me revolto contra Deus porque não vejo mudança ou as coisas não se resolvem como gostaria, no lugar de crer que Ele tem cuidado de mim, dou lugar à ansiedade, aí é só esperar para viver o tormento e as angustiantes crises de falta de ar.
Contudo, quando trago a minha memória o carinho e a fidelidade de Deus, quando recordo-me das tantas bênçãos que já me deu e dá, o presente e o futuro começam a clarear diante de mim, a antes descontrolada ansiedade começa lentamente a dar lugar a serenidade, paz, confiança, descanso; e a crise de hipóxia e dispneia dá lugar à oxigenação e boa respiração; volto ao normal.
Isso se dá sem o mínimo esforço? Claro que não. Acho que você percebeu que o texto bíblico diz para LANÇAR sobre Deus a ansiedade. O verbo lançar denota: atirar com força, arrojar, despejar, entregar, aventurar.

Lançar a ansiedade é uma aventura. Uma aventura sem igual. Uma batalha tão normal. Poucos conseguem desfrutar desta aventura. Não muitos vencem esta batalha. Mas se escolhemos fazê-lo, na confiança de que o fazemos em Deus, para Deus, com a ajuda de Deus, essa aventura poderá ser não apenas proveitosa como também vitoriosa, só depende de nós.

Graça por graça



Se a nossa confiança estiver em Deus, não nos decepcionaremos quando as pessoas traírem nossa confiança. Se o nosso amor ao próximo fluir através de nós porque estamos em Deus e a seiva vem dEle, não nos decepcionaremos quando as pessoas não corresponderem ao nosso amor ou não retribuírem o quanto gostaríamos que o fizessem. Se a nossa vida estiver inteiramente rendida ao conduzir do Espírito Santo em nós, caminharemos em graça (favor imerecido), transbordaremos graça, viveremos graça, a graça de Deus! Impossível? 

"E todos nós recebemos também da sua plenitude, e graça por graça." João 1:16

Deus mesmo já nos presenteou com graça e em sua plenitude quer nos ajudar a andar de fé em fé, de glória em glória, graça por graça, mas não de arrependimento em arrependimento. Se nossa conversão se deu apenas no dia em que fizemos nossa confissão pública de fé nEle, mas continuamos vivendo de pecado em pecado, de ódio em ódio, amargura em amargura, então pouco adiantou entregarmos nossa vida a Jesus. Nosso Jesus, lindo Jesus, deu sua vida por nós para que entreguemos nossa vida a Ele e vivamos em aliança, aliança de vida, aliança de obediência, aliança de submissão, aliança de total rendição: o nosso Amado e nós, uma só fé, um só corpo, um só espírito. Ele quer ser um conosco e nos conduzir em uma vida de plenitude e de graça por graça.


quarta-feira, 28 de novembro de 2012

A comida favorita de Jesus


Se algum dia você me convidar para almoçar na sua casa e não souber o que escolher para o cardápio, faça espaguete, não tem como errar! Amooooo macarrão, principalmente espaguete e pappardelle. Mas se quer me deixar triste e sem jeito faça bastante rúcula, rabanete, nabo e pequi, pois por mais que eu tenha tentado não consigo comer.
Se Jesus fosse convidado para ceiar com você, qual seria o cardápio escolhido? Sabe qual é a comida preferida de Jesus?


"E entretanto os seus discípulos lhe rogaram, dizendo: Rabi, come. Ele, porém, lhes disse: Uma comida tenho para comer, que vós não conheceis. Então os discípulos diziam uns aos outros: Trouxe-lhe, porventura, alguém algo de comer? Jesus disse-lhes: A minha comida é fazer a vontade daquele que me enviou, e realizar a sua obra." João 4:31-34


A comida preferida de Jesus é "a vontade do Pai". A Bíblia nos diz que Ele está à porta e bate, quer entrar e ceiar conosco; e o que Ele quer de cardápio? "A vontade do Pai" manifesta em nossas vidas por uma escolha diária de renunciar aquilo que não agrada a Deus e optar por agir conforme o desejo do coração do Pai. O noivo Jesus quer ter um banquete contínuo de comunhão com sua noiva Igreja (nós); e pra ficar bem romântico e em clima de intimidade, já sabe, né? Prepare uma ceia farta de comida (vontade do Pai), acenda as velas (deixe o fogo do Espírito Santo arder em você), traga o vinho e se deixe perder de amor por Ele (embriagar-se de amor é o máximo, ainda mais com Jesus!).

E lembre-se: a vontade de Deus é boa, agradável e perfeita. Nada é tão animador e estimulante quanto conhecer e entender a vontade do Pai para nossas vidas, pois quanto mais nos alimentamos da mesma, mais percebemos os benefícios espirituais, emocionais e até físicos do alimento ingerido e o quanto ele faz diferença em nossas vidas e das pessoas que nos cercam, assim como fez diferença na vida dos discípulos, que não conheciam essa comida apresentada por Jesus.

terça-feira, 27 de novembro de 2012

Os Frutos do Permanecer

Cofre de tesouros


Você gosta de ajuntar dinheiro? Desde criança parece que tenho um certo fascínio por cofrinhos. Não gosto muito daqueles do tipo fáceis de se abrir, pois ao pensar em cofre quero algo para ajuntar, não para abrir facilmente ao primeiro impulso, desejo ou necessidade de se gastar o dinheiro ali armazenado, antes do tempo determinado para seu uso/benefício. Já ajuntei mais de R$200,00 em moedinhas em certo período do ano em um cofrinho feito por mim mesma (apenas fiz uma pequena abertura na tampa de um tubo/caixa de papelão que veio com um pijama da Turma da Bia e colei com Super bonder, hehehe). De fato é gratificante ajuntar dinheiro, principalmente no momento de abrir o cofre e gastar (essa certamente é a melhor parte). 
O que Deus deixou registrado na Bíblia acerca de ajuntar dinheiro?

"Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam; mas ajuntai tesouros no céu, onde nem a traça nem a ferrugem consomem, e onde os ladrões não minam nem roubam. Porque onde estiver o vosso tesouro, aí estará também o vosso coração. "
Mateus 6:19-21


"E disse-lhes: Acautelai-vos e guardai-vos da avareza; porque a vida de qualquer não consiste na abundância do que possui. E propôs-lhe uma parábola, dizendo: A herdade de um homem rico tinha produzido com abundância; e ele arrazoava consigo mesmo, dizendo: Que farei? Não tenho onde recolher os meus frutos. E disse: Farei isto: Derrubarei os meus celeiros, e edificarei outros maiores, e ali recolherei todas as minhas novidades e os meus bens; e direi a minha alma: Alma, tens em depósito muitos bens para muitos anos; descansa, come, bebe e folga. Mas Deus lhe disse: Louco! esta noite te pedirão a tua alma; e o que tens preparado, para quem será? Assim é aquele que para si ajunta tesouros, e não é rico para com Deus. E disse aos seus discípulos: Portanto vos digo: Não estejais apreensivos pela vossa vida, sobre o que comereis, nem pelo corpo, sobre o que vestireis. Mais é a vida do que o sustento, e o corpo mais do que as vestes."
Lucas 12:15-23



Ontem conversei com uma amiga que está em uma licitação com uma proposta que promete R$60.000,00 de salário. Fiquei feliz por ela só de imaginar (Si, você vai comprar uma mansão com piscina e chamar a amiga para passar a tarde e fazer churrasco para a gente, não é mesmo?)! Não sejamos ridículos ao ponto de dizer que não gostamos de dinheiro. Como meu irmão João Marcos gosta de brincar: "Você diz que dinheiro não traz felicidade; então venda o que você tem, me dê o dinheiro e seja feliz ;) /#ficaadica". 
O ser humano, por natureza, ama dinheiro, ama ajuntar tesouros! Até o meu poema favorito se chama "Tesouros" (by Marta Snell Nicholson 1946)! Só não sejamos tolos o bastante para desperdiçar todas as nossas energias aqui na terra correndo atrás do que com um estalo das mãos de Deus, num abrir e piscar de olhos, como um sopro, pode ser arrancado das nossas mãos e perdido. Vamos depositar mais no cofrinho eterno e menos no cofrinho terreno, passageiro, pequeno!

segunda-feira, 26 de novembro de 2012

Árvore frondosa


Passeando pela fazenda de meu pai pela manhã pude meditar a respeito de alguns pontos importantes da vida para abordar neste artigo. Graças a Deus tive o privilégio de nascer em uma família com estabilidade financeira e "de posses", mas que me ensinou a respeito do real valor das coisas e pessoas, sobre o preço para adquiri-las e conservá-las. Meu pai comprou sua primeira fazenda aos 22 anos de idade. Novo? Não se você conhecer melhor sua história de vida e descobrir que aos 3 anos de idade já trabalhava intensamente, que em sua infância levantava às 3 da manhã para ajudar seu pai e irmãos na tiração de leite e aquecia seus pés do frio no cocô quentinho das vacas, antes de poder finalmente tomar seu café da manhã e andar quilômetros a pé para chegar a escola. Da mesma forma alguns me indagam o motivo de 2 livros já publicados aos 27 anos de idade, sem saber que trabalho como pastora auxiliar desde os 10 anos de idade, pregando para adultos e crianças, ministrando louvor e crescendo na graça e conhecimento do Senhor. Como se tornar uma frondosa árvore? Como ter fortes raízes e prevalecer apesar dos desafios e oposições? Como conquistar, adquirir e conservar tudo o que se precisa e tornar tudo o que sempre sonhou ser e ter?
Após José ter sido provado e aprovado, antes de ver seu pai falecer recebeu dele a seguinte bênção:

"José é um ramo frutífero, ramo frutífero junto à fonte; seus ramos correm sobre o muro.
Os flecheiros lhe deram amargura, e o flecharam e odiaram.
O seu arco, porém, susteve-se no forte, e os braços de suas mãos foram fortalecidos pelas mãos do Valente de Jacó (de onde é o pastor e a pedra de Israel).
Pelo Deus de teu pai, o qual te ajudará, e pelo Todo-Poderoso, o qual te abençoará com bênçãos dos altos céus, com bênçãos do abismo que está embaixo, com bênçãos dos seios e da madre.
As bênçãos de teu pai excederão as bênçãos de meus pais, até à extremidade dos outeiros eternos; elas estarão sobre a cabeça de José, e sobre o alto da cabeça do que foi separado de seus irmãos. "
Gênesis 49:22-26

Sim, José apenas se tornou uma árvore frondosa, firme e frutífera após ter sido provado e aprovado. Deus nos ajude a sermos assim: árvores cujas raízes não se perdem com opiniões e filosofias tolas, árvores cujas folhas caem e se renovam estação após estação, árvores frondosas e belas formadas em meio à tempestades e desertos, para honra e glória dEle.

domingo, 25 de novembro de 2012

Na chuva


Entro na chuva
Sem medo de molhar
Quero me refrescar
Minh`alma secou
Meu sonho evaporou
E o que sobrou?

Danço na chuva
Gostando de molhar
Agradável é me refrescar
Absorve minha dor
Absorvo Seu amor
Com pureza, sem pudor

A tempestade não passa?
O chão se abre sob meus pés?
Minhas asas molharam,
As forças se esgotaram,
E não consigo voar?

Brinco na chuva
Sem me preocupar
Quero apenas me encharcar
Minh`alma inundar 
E com meu precioso amado
Dançar e Amar

Não importa quem sou
Quando em em Seus braços estou
Me deliciando na chuva
Sua criança sou
Apenas sua criança sou
Aqui estou...

sábado, 24 de novembro de 2012

Casa do velório

Acabei de chegar da casa do velório. Meu amado tio Teotônio, 83 anos, faleceu. Seu corpo voltou à terra e seu espírito a Deus que o deu. Há um sábio ditado que diz:

"Melhor é ir à casa onde há luto do que ir à casa onde há banquete, porque naquela está o fim de todos os homens, e os vivos o aplicam ao seu coração. Melhor é a boa fama do que o melhor unguento, e o dia da morte do que o dia do nascimento de alguém."  Eclesiastes 7:1-2

É neste lugar, ao lado do caixão, rodeado por pessoas em sofrimento intenso, em que paramos para refletir a respeito da vida, o valor das pessoas, o valor das coisas. Como um sopro vamos embora e tudo dessa vida em que nos apegamos e lutamos com tanta insistência para obter nos mostra o que realmente importa: Nosso tempo nessa terra está contado, nosso fim pode estar mais próximo do que imaginamos, nascemos sozinhos e morremos sozinhos, viemos a este mundo sem trazer nada nas mãos e vamos embora dele de mãos vazias. Valeu a pena a vida que escolhemos viver? Fizemos bons investimentos com o tempo, os talentos, riquezas e relações que nos foram confiados?

A vida é estranha. Enquanto minha família está de luto, a família do Pr Renato está no hospital acompanhando a recuperação de sua esposa Lucélia que fez cirurgia ontem, a família do amado Pr Márcio Valadão está festejando seus 64 anos de vida, está acontecendo uma festa de casamento na esquina de minha casa, existem casais chorando de alegria ao presenciar o nascimento de seu bebê ou a formatura de seu filho.  Ao mesmo tempo uns estão saltando de alegria e dançando, outros estão gritando e chorando. Contudo o texto bíblico afirma categoricamente: o dia da morte é melhor que o nascimento de alguém (óbvio, essa vida é dura) e na casa do luto nosso coração se aplica, aprende, é edificado muito mais do que na casa do banquete. O dia não foi agradável, mas certamente um dia de aprendizado.

sexta-feira, 23 de novembro de 2012

Superior x inferior

Quem se julga superior
Certamente é inferior,
Não conhece o seu valor,
Por isso tenta provar
Ser quem não é,
 Em vez de mostrar
O que é,
Em vez de amar
Quem é e quem não é.

Quem se julga superior,
Sabe que é inferior,
Mas busca esconder a dor,
Ao exibir
Quem não é,
No lugar 
Do que é
Quando poderia amar
Quem é e quem não é.

Quem se julga superior,
Desperdiça amigos,
Despreza o amor,
Pois julgando-se senhor,
 O que ele não é.
Em vez de viver
O que é,
Poderia muito bem aprender
Quem é e quem não é.

Mulheres que brilham

Recebi o seguinte e-mail a pouco:

"Oi, amiga !
Você é superdotada, só tem que ser um pouco mais humilde, não tentar aparecer tanto. Homens não suportam mulheres que brilham...

Bjs e que Deus te ilumine
......"

Vamos pensar um pouquinho a respeito das palavras acima. A palavra de Deus (autoridade maior) diz que 

"E disse-lhes: Vem porventura a candeia para se meter debaixo do alqueire, ou debaixo da cama? Não vem antes para se colocar no velador?" Marcos 4:21

ou seja, minha luz é o Senhor, minha luz vem do Senhor e se brilho, meu brilho não vem de mim, mas do Senhor e para que Ele seja exaltado por meio de minha vida. Se existo, não existo porque quero (e isso posso lhe afirmar categoricamente: para mim morrer é lucro, se vivo é Cristo). Se brilho, não brilho porque desejo (se bem que brilhar é legal, você não acha?). E, por fim, se apareço, apareço onde Deus me faz aparecer, pois só Ele é capaz de criar as oportunidades, lugares e pessoas, como conexões divinas, em minha vida. Não entendo porque você terminou o e-mail com "DEUS TE ILUMINE", já que disse pra eu não brilhar.

Minha amiga, eu creio firmemente que os homens das trevas ou que estão nas trevas são os que não gostam de mulheres que brilham. Se ainda não me casei, Deus sabe meus motivos e se um dia eu me casar, uma certeza eu tenho: meu marido não apenas amará o brilho de Deus em mim, como também brilhará, pois o brilho de Deus nEle habitará.

As flores que amo

Que garota não gosta de flores?! Flores são FLORES. Lindas. Meigas. Exóticas. Pequenas. Exuberantes. Imponentes. Simples. Fortes. Frágeis. Tão diferentes umas das outras, mas cada uma com sua beleza e singularidade. Flores são como as mulheres. As mulheres são como as flores. Por isso se atraem (risos).

Gosto de várias flores.

As rosas. Comuns, como a maioria das mulheres. Apesar de serem fáceis de ser encontrar (acessíveis), continuam encantando quem as tem, onde estão. (Cores preferidas: azul, rosa, amarela e branca/ não sou fã de rosa vermelha).

Tulipas. Raras e fortes, geralmente suportam frio extremo mas se mantem belas e vivas, como poucas mulheres que em vez de cederem aos desejos, pressões e circunstâncias preferem permanecer arraigadas (suas raízes/princípios as sustentam).

Orquídeas. Caras e exóticas, o que as fazem tão atraentes. Apesar de crescerem em árvores não são parasitas como alguns imaginam, do mesmo modo que as mulheres que não vivem sem sua "árvore", mas não são sugadoras, sabem habitar em mútua dependência e ornamento.

Girassóis. Rendidos. Totalmente submissos à luz do sol, não sabem viver sem olhar sempre para o Alto, assim como as belas mulheres cristãs, que sabem que suas vidas só são verdadeiramente vividas quando se foca nEle.

Hibiscos. Além de ter uma forma interessante é uma planta medicinal. Sabe aquela amiga que sempre tem uma palavra de cura?

kalanchoes. Amam lugares iluminados e suportam bem o calor, independente do deserto que atravessam na vida absorvem a luz e o calor do Sol da Justiça florescendo.

Há tantas outras flores/mulheres que amo, todas belas e admiráveis criação de Deus.

"Grandes e maravilhosas são as tuas obras, Senhor Deus Todo-Poderoso! Justos e verdadeiros são os teus caminhos, ó Rei dos santos." Apocalipse 15:3

quinta-feira, 22 de novembro de 2012

Lançamento do meu segundo livro



Presentei quem você ama com o livro MEUS POEMAS,
disponível para vendas a partir do dia 5 de dezembro.
Reserve já o seu comigo (ver capa no anexo)

obs.: Para quem reservar e/ou comprar logo
o livro será entregue no seu endereço de preferência 
antes do natal ;)

priscillaluz@gmail.com
www.prideluz.blogspot.com
(37) 3421 1124 Residencial
(37) 8826 7091 TIM

Especialmente para você, Renata Valadão.

Hoje acordei pensando em você, lembrando-me de como com tão grande amor me acolheu e, como Jesus, de mim se compadeceu num dos momentos mais terríveis e críticos de minha vida. Você não me julgou, mas enxergou além das feridas, do desequilíbrio, da minha aparência e quando ainda não tinha nada: nem dinheiro, nem fama, nem amigos. Você me aceitou, me encorajou e me ajudou a ser uma pessoa melhor e o que hoje sou é parte de quem você é, minha amada irmã em Cristo e mãe (espiritual), Renata Valadão.



Presente mesmo que ausente

Pensar em você é pensar em alguém
Que não tem medo de ser quem é.
Lembrar de você é lembrar de alguém
Que não se envergonha de sua fé.

Falar de você é falar de alguém
Que segue adiante, que vai sempre avante.
Olhar pra você é olhar para alguém
Que mesmo distante está a todo instante:

Presente mesmo que ausente,
Perto ainda que longe,
Na minha mente e de toda gente
Que lhe conhece e então percebe:

Pensar em você é pensar em alguém
Que aprendeu amar e valorizar.
Lembrar de você é lembrar de alguém
Que sabe ganhar e compartilhar.

Falar de você é falar de alguém
Que só o existir já traz esperança.
Olhar pra você é olhar para alguém
Que ainda quando partir ficará na lembrança.

Presente mesmo que ausente,
Perto ainda que longe,
Na minha mente e de toda gente.

Priscilla Rocha Chaves, em Meus poemas.

quarta-feira, 21 de novembro de 2012

Fé quando a gente não quer

A fé muda tudo (até aí tudo bem). A falta dela também (não tinha pensado por esse ângulo). Você já parou para pensar no quanto a falta de fé (de motivação, de esperança, de entusiasmo) muda tudo? A incredulidade nos faz estagnar, perder a alegria de prosseguir, ficar sem forças para trabalhar e até mesmo viver. Tudo fica sem graça, sem sentido. Não temos mais visão, não temos mais fé.

Gostamos de ter fé quando os sonhos se concretizam, quando Deus dá uma de empregadinho (Ele não dá, porém às vezes chegamos ao absurdo de pensar que Ele é) e faz o que queremos na hora que esperamos. Aí temos uma fé que é uma beleza, né? Contudo, será que isso é mesmo fé?

Não é fácil ter fé, quando você tem sonhos, promessas grandes de Deus para sua vida e, de repente, é jogado numa cisterna (por seus próprios irmãos),  tem que trabalhar para Potifar ou  é preso, como José (mencionado no livro de Gênesis).

Não é fácil ter fé, quando você é ungido rei, como Davi (mencionado nos livros de Samuel, Reis e Crônicas), mas é perseguido pelo rei da época, tem que fugir, viver se escondendo, fingir de louco para não ser morto, perseguir pessoas que sequestram sua mulher e filhos e queimam suas casas.

É, meu amigo, ter fé quando tudo vai bem é fácil. Como disse Jesus: amar a que lhe ama até os pagãos fazem, quero ver você amar o inimigo. Parafraseando: ter fé quando tudo vai bem até os pagãos tem, quero ver sua fé quando tudo não sai como você quer.

Gosto do conselho de Paulo a Timóteo:

"Este mandamento te dou, meu filho Timóteo, que, segundo as profecias que houve acerca de ti, milites por elas boa milícia; conservando a fé, e a boa consciência, a qual alguns, rejeitando, fizeram naufrágio na fé." I Timóteo 1:18-19

Que escolhamos constantemente conservar a fé e não naufragarmos nela. Certo? 

sexta-feira, 16 de novembro de 2012

Se é assim...


Hoje eu vi essa postagem no facebook e gostaria de compartilhar com vocês um pouco sobre o pensamento de algumas pessoas. Se é assim que elas veem, será que veem esse outro lado?

Se é assim...
A saúde é o caminho. O médicos e farmacêuticos que fazem suas FORTUNAS com a doença dos outros são o pedágio.
 A diversão é o caminho. Os cantores, jogadores de futebol e outros mais que fazem suas FORTUNAS entretendo os outros são o pedágio.
Conseguir um emprego público é o caminho (estabilidade financeira e profissional, certo?). Os que trabalham com venda de apostilas e cursinhos e se ENRIQUECEM com isso são o pedágio.

 É engraçado como as pessoas gostam de criticar quem faz dinheiro com o mercado gospel, mas não criticam os médicos, farmacêuticos, cantores, jogadores de futebol, empresas que se enriquecem às custas dos que querem passar num vestibular, concurso... Vocês acham que os "camaradas da foto acima" não tem muitos livros escritos, cds e dvds com os quais ganham dinheiro? Alguém já comentou sobre as instituições de caridade, recuperação de drogados, dentre outros, que eles mantem com o dinheiro? Eles por acaso obrigaram alguém a depositar dinheiro em suas contas e igrejas, ou são as próprias pessoas que se sentem abençoadas com suas mensagens, programas de TV, livros, cds, etc que de livre e espontânea vontade resolvem dar a eles dinheiro?

É legal falar mal de quem você não conhece, do que não entende, principalmente do dinheiro que os outros conseguem ganhar, e não conseguimos, e da administração que eles fazem do dinheiro e nós nem sabemos...

Não aprovo totalmente a conduta do R. R. Soares, Bispo Edir Macedo, Silas Malafaia e Valdomiro Santiago, mas uma certeza eu tenho:

Jesus é o caminho, a salvação é de graça (basta reconhecer em Jesus o salvador, invocar Seu nome, clamar por salvação e se compromissar a seguir seus passos, obedecer sua palavra, viver para Ele). Existe algum pedágio a ser pago pela salvação? Não.

No entanto, o mesmo Jesus que de graça oferece salvação, em sua Palavra, a Bíblia, ORDENA que entreguemos os DÍZIMOS E OFERTAS.

O mesmo Deus que, de graça e em graça (favor imerecido, pois não merecemos MESMO ser inocentados de nossos terríveis pecados por um Deus SANTO, PURO E PERFEITO) nos chama, é o mesmo Deus que coloca em nossas mãos riquezas e bens, mas deixa bem claro que SOMOS APENAS MORDOMOS, pois tudo pertence a Ele e um dia a Ele prestaremos contas.

Pense bem nisso e lembre-se que se alguém (isso inclui as pessoas da foto acima) não está cuidando bem do que pertence a Deus, é com Deus que haverá de prestar contas e ser julgado.

"E não há criatura alguma encoberta diante dele; antes todas as coisas estão nuas e patentes aos olhos daquele com quem temos de tratar." Hebreus 4:13

quinta-feira, 15 de novembro de 2012

Pode alguém amar a Deus e não a igreja?

Certa vez, ouvi uma pessoa dizer que, por causa dos escândalos e erros dos cristãos na igreja, ela ama a Deus, mas não a igreja. Será isso possível? Pode uma pessoa amar verdadeiramente a Deus e não amar a igreja? Quando nos posicionamos contra a noiva de Cristo, quando passamos não somente a deixar de amar a igreja, como também, claramente, afirmar nosso descaso, ódio e repulsa pela igreja estamos afirmando algo e, certamente, não é o amor a Deus.
 
"Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu?" I João 4:20
 
Se nos afastamos da igreja porque não suportamos os erros de nossos irmãos em Cristo, porque não queremos nos relacionar com esse tipo de pessoas, porque nos julgamos melhores e superiores, mais santos, mais perfeitos, não estamos com essa atitude mostrando que somos "deuses" o suficiente para julgarmos o que é melhor, mais sábio? Em vez de nos sujeitarmos aos ensinos dAquele a quem dizemos amar, que nos declaram Sua vontade de que não deixemos de congregar, que nos sujeitemos às autoridades humanas por Ele instituídas como os levitas que aqui recolhem os dízimos (mas que Ele mesmo recebe no céu), não estamos nos sujeitando ao rebelde Satanás que se opõe a Deus e à igreja e quer se estabelecer o senhor?
Pode alguém tão cheio de amor a Deus, tão submisso a Sua vontade, caminhar com Deus longe da igreja, longe de seus irmãos, comprados, remidos e lavados no sangue de Jesus? Se você diz que pode, então me responda: Como essa pessoa, que não suporta a igreja (pessoas que lutam contra  pecado, na busca pela santidade) poderá passar a eternidade, na presença de Deus e longe daqueles que Deus salvou e pelos quais está preparando um lugar Nele mesmo, para que onde Ele estiver os Seus estejam? (João 14:3)

quarta-feira, 14 de novembro de 2012

Sucesso aparente não são frutos

Às vezes fico triste com a mentalidade que muita gente na igreja está adquirindo de que SUCESSO APARENTE são frutos de uma vida de intimidade com Deus.

Quando tem uma multidão seguindo e aplaudindo você, quando você está "fazendo sucesso" como pregador, lançando cds e livros, as pessoas dizem que você está dando frutos.

No entanto, se você vive uma vida de intimidade com Deus, santidade, piedade e é uma bênção onde Deus lhe plantou, mas o mundo não lhe conhece, você não é famoso, não tem uma igreja grande, ou está em destaque na mídia, alguns dizem que você não está frutificando.

Interessante como a Bíblia relata a vida de "grandes" homens e mulheres de Deus:
Davi nos campos, cavernas e desertos, louvando a Deus na simplicidade e mesmo depois de ungido rei, anos e anos sendo perseguido, se escondendo, mas se mantendo amigo Deus.
José na casa de Potifar, servindo como escravo, sendo tentado pela esposa do patrão, resistindo fielmente, resultando em sua injusta prisão, onde sofreu por um longo tempo.
Jesus sendo levado pelo próprio Espírito Santo ao deserto para ser tentado pelo diabo.

Leia Hebreus 11 e sua lista de irmãos exemplares na fé. O capítulo termina dizendo:

"Experimentaram escárnios e açoites, e até cadeias e prisões. Foram apedrejados, serrados, tentados, mortos ao fio da espada; andaram vestidos de peles de ovelhas e de cabras, desamparados, aflitos e maltratados (Dos quais o mundo não era digno), errantes pelos desertos, e montes, e pelas covas e cavernas da terra. E todos estes, tendo tido testemunho pela fé, não alcançaram a promessa, provendo Deus alguma coisa melhor a nosso respeito, para que eles sem nós não fossem aperfeiçoados." Hebreus 11:36-40


terça-feira, 13 de novembro de 2012

Achegue-se a Deus

Está deprimido Achegue-se a Deus!

Sente-se gordo? Achegue-se a Deus!

TPM? Achegue-se a Deus!
 
Quando nos achegamos a Deus, Ele se achega a nós.
 
"Chegai-vos a Deus, e ele se chegará a vós." Tiago 4:8a
 
E quando Sua presença invade nosso ser...
 
nossos sentimentos podem não mudar instantaneamente, 
as circunstâncias podem permanecer as mesmas,
a vitória pode parecer impossível,
a demora pode ser longa demais.
 
Contudo em Deus e com Deus em nós e por nós teremos
forças na fraqueza,
esperança além da incerteza,
poderemos prosseguir.
 
Brigou com alguém? Não adianta só se achegar a Deus (risos), pois nossas orações são interrompidas e as ofensas pedentes entre nós e o próximo bloqueiam o agir de Deus em nossas vidas.
 
"Portanto, se trouxeres a tua oferta ao altar, e aí te lembrares de que teu irmão tem alguma coisa contra ti. Deixa ali diante do altar a tua oferta, e vai reconciliar-te primeiro com teu irmão e, depois, vem e apresenta a tua oferta." Mateus 5:23-24
 
"Igualmente vós, maridos, coabitai com elas com entendimento, dando honra à mulher, como vaso mais fraco; como sendo vós os seus co-herdeiros da graça da vida; para que não sejam impedidas as vossas orações." 1 Pedro 3:7
 

quarta-feira, 7 de novembro de 2012

A tendência é essa

  • Pensar que porque se pode contar com o amor, o cuidado e as bênçãos diárias de Deus, não é preciso mais agradecer e louvá-lO por isso...
  • Pensar que porque sua família está sempre presente, apoiando, cuidando e abençoando sua vida não é necessário honrá-la...
  • Pensar que porque já conquistou um marido não é mais tão importante se cuidar, ficar bonita e atraente, conquistá-lo todos os dias...
  • Pensar que porque se tem amigos leais, que estão sempre presentes (ainda que distantes), que não se faz necessário cultivar a amizade com carinho, atenção, presentes...
Mas pensar que a vida gira em torno de si, que todos estão aí para lhe servir, abençoar, amar e cuidar e não fazer o mesmo é pura tolice, em outras palavras, um erro fatal.

Nem tudo é duradouro.
As pessoas se cansam de investir e não receber retorno.
O inesperado acontece e o que pensávamos que estaria sempre aqui para nós nos é tirado.

A tendência é essa: pensar que tudo está garantido, tudo é eterno.

Gratidão e cuidado são as respostas mais eficazes.
Que seja essa a nossa escolha sempre!
"Amai-vos cordialmente uns aos outros com amor fraternal, preferindo-vos em honra uns aos outros." Romanos 12:10

sexta-feira, 2 de novembro de 2012

Bebê de outubro

http://www.filmesonlinegratis.net/assistir-bebe-de-outubro-dublado-online.html

Assistam até o finzinho, porque tem um depoimento no final do filme de uma mulher que abortou.

"Um país que aceita o aborto não está a ensinar os seus cidadãos a amar, mas a usar a violência para obterem o que querem. É por isso que o maior destruidor do amor e da paz é o aborto."
(Madre Teresa de Calcutá)

quinta-feira, 1 de novembro de 2012

Como Deus age?


"Deus opera de modo misterioso para realizar maravilhas..."

                                                             William Cowper